O lugar dos filhos em relação aos pais

A relação dos filhos com os pais reflete como será a relação destes filhos com seus futuros companheiros. Bert Hellinger nos diz que o homem aprende a respeitar a mulher com o pai e a mulher aprende a respeitar o homem com a mãe.

Quando a filha se sente maior, ou pensa ser melhor que a própria mãe, é porque acredita, de forma oculta, que a mãe não é boa o suficiente para o pai, mas ela sim. Isso acontece também com o filho em relação ao pai.

Reconhecer e respeitar pai e mãe como maiores é respeitar a ordem da vida, a hierarquia, que é uma das bases para os relacionamentos saudáveis.

As crianças saem do seu lugar quando querem se envolver em situações que dizem respeito apenas aos adultos querendo definir como pai ou mãe devem agir: “mãe, não faça isso ou aquilo porque meu pai vai ficar bravo… pai, não faz assim, você vai deixar a minha mãe triste…”

Podemos ajudar a criança nesta compreensão mostrando para elas que os “problemas” dos pais eles dão conta de resolver, os pais tem força suficiente para isto e que ela não precisa se envolver com estas questões.

Uma frase que pode ajudar é: “mamãe, papai, vocês são grandes, eu sou pequeno! Deixo com vocês o que é de vocês!” Assim a criança segue mais leve permanecendo no seu lugar de ordem.

Andréa Wolney